Em pavimentação, novo corredor vai interligar Fátima do Sul, Caarapó, Laguna e Ponta Porã

Categoria: Geral | Publicado: segunda-feira, dezembro 5, 2022 as 09:44 | Voltar

Em quatro frentes de obras, o Governo do Estado segue trabalhando para abrir mais um importante corredor rodoviário, desta vez interligando quatro municípios da região sul de Mato Grosso do Sul: Fátima do Sul, Caarapó, Laguna Carapã e Ponta Porã.

Três rodovias estaduais compõem esse investimento. A primeira é a MS-278 entre Fátima do Sul e Caarapó, no trecho de 57 quilômetros que liga as federais BR-376 e BR-163. Dividida em duas etapas, a primeira está com 57% do contrato executado e 12 quilômetros já tem asfalto. A segunda também está com pouco mais da metade dos serviços executados (52%) e conta com um trecho de 13 quilômetros já pavimentados.

Entre a primeira e a segunda etapa, onde a MS-278 e a MS-156 se encontram, uma nova frente segue com lançamento de sub-base em 14 quilômetros da MS-156, sentido região urbana de Caarapó. Com 19% do contrato já executado, a previsão é que esse trecho comece a receber asfalto na próxima quinzena.

Retornando na MS-278, outra frente segue pela MS-382, em 36,20 quilômetros da rodovia que inicia em Caarapó, passa por Laguna Carapã e termina em Ponta Porã, no entroncamento com a BR-443. Nesse trecho, 9 quilômetros já estão preparados para receber asfalto.

As três obras somam 107 quilômetros de rodovias que além de ligar os quatro municípios, dá acesso à inúmeras propriedades rurais, usinas e cooperativas da região. Durante os seis anos que trabalha como caminhoneiro, Rui Portuga, de 51 anos, já precisou passar muitas vezes pelo trecho carregando insumos e comemora a obra. “É mais segurança para nós e diminui o gasto com manutenção de caminhões”, afirmou.

Marcio José Alves, de 43 anos, trabalha em uma das fazendas localizada em frente a um dos trechos já pavimentados. O trabalhador recorda que antes da chegada do asfalto, a estrada era precária. “Agora é uma benção. Sempre preciso passar pela estrada para ir à cidade fazer compras ou levar as crianças para o médico”, afirmou.

A pavimentação da rodovia também será de extrema importância para encurtar caminhos entre três rodovias federais. Além da BR-443, o trecho passa também pela BR-163 e BR-376. Com equipes trabalhando em todas as frentes de obras, o secretário de Estado de Infraestrutura, Renato Marcílio, explica que as condições climáticas em algumas vezes alteram o ritmo dos trabalhos, mas garante os esforços necessários para que não haja prejuízos e que o corredor seja concluído. “Se trata de uma obra complexa e, além disso, nesse período enfrentamos dias chuvosos, mas nossas equipes estão trabalhando para que as obras mantenham o ritmo para que consigamos concluir os quatro contratos”, disse.

Os quatro contratos vigentes somam mais de R$ 200 milhões em investimentos nas três rodovias.

Joilson Francelino, Seinfra
Fotos: Edemir Rodrigues

Publicado por: Joilson Francelino Santana

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.