Estado restaura as MS-164 e MS-384, vias de escoamento e integração da fronteira

Categoria: Geral, Pavimentação | Publicado: terça-feira, outubro 15, 2019 as 17:25 | Voltar

Campo Grande (MS) – A malha viária estadual que integra os municípios situados na fronteira com o Paraguai está recebendo manutenção permanente do Governo do Estado, por meio da Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos). Em Ponta Porã, trechos críticos das MS-164 e MS-384, com acessos ao Copo Sujo, Vista Alegre e BR-267 e a Antônio João, foram recuperados com serviço de micro revestimento, totalizando 23 quilômetros.

“A diferença desse governo para os demais é que hoje temos uma regularidade na manutenção das nossas rodovias, sejam pavimentadas ou não”, observou a regional da Agesul no município, engenheira Suzana Lorenzon Wetters. Segundo ela, a meta é recuperar até o fim do ano toda a malha sob a jurisdição da residência – cerca de 500 quilômetros -, beneficiando também Aral Moreira, Caarapó, Antônio João e Laguna Carapã.

MS-184 recebeu sete quilômetros de revestimento em trechos críticos.

Assentamento Itamarati

As MS-164 e MS-384 integram um dos principais troncos de escoamento da produção agropecuária e também ao turismo de compras em Ponta Porã. Os trechos restaurados estão recebendo agora nova sinalização horizontal. A Agesul também executa serviços de cascalhamento de trechos danificados na rodovia MS-280 (região de Lagunita, entre Ponta Porã e Laguna Carapã), no entroncamento com a BR-463 e a MS-380, totalizando 17 quilômetros.

Outra intervenção do Estado, em parceria com a prefeitura de Ponta Porã, garante a manutenção das estradas vicinais do Assentamento Nova Itamarati, hoje distrito com cerca de 17 mil habitantes. A Agesul disponibilizou sua patrulha mecanizada, que no momento está atendendo a agrovila Grupo Renovação. “Era uma região com dificuldades de acesso, principalmente no período chuvoso, e hoje recebe cascalhamento”, informou Suzana Wetters.

Anel Viário em execução

As obras de drenagem na região dos bairros São João e Jardim Estoril, por onde passará a primeira etapa da pavimentação do Contorno Viário de Ponta Porã, avançam e nas próximas semanas dará início efetivo ao trabalho no primeiro trecho da via ligando as regiões Norte e Sul, cortando a cidade ao meio e facilitando o trânsito de caminhões. A infraestrutura viária foi autorizada pelo governador Reinaldo Azambuja, com investimentos de R$ 22 milhões.

Obras de drenagem preparam a chegada do Anel Viário.

“O Anel Viário resgata um compromisso assumido com a população de Ponta Porã, e com apoio do governador Reinaldo Azambuja estamos prestes a dar início à obra, uma das mais aguardadas pela população nos últimos anos”, afirmou o prefeito Hélio Peluffo. “É uma obra prioritária a ser executada pela prefeitura com recursos do Estado, desviando os veículos pesados do centro e aumentando a segurança e garantindo a fluidez do trânsito”, completou.

 

 

Texto: Sílvio de Andrade – Subsecretaria de Comunicação (Subcom)
Fotos: Agesul e Edemir Rodrigues

Publicado por: Jessika Machado

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.