Rodovia Sul-Fronteira avança entre Coronel Sapucaia e Paranhos e Governo ainda faz obra para combater erosão

Categoria: Geral | Publicado: quarta-feira, dezembro 14, 2022 as 07:55 | Voltar

Um dos maiores projetos de infraestrutura da gestão estadual, a Rodovia “Sul-Fronteira” está avançando no trecho entre Coronel Sapucaia e Paranhos, com metade da pavimentação já concluída. Lá já foram asfaltados 17 km dos 33 km previstos. O investimento nesta etapa é de R$ 58 milhões.

De acordo com a Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos), as obras na MS-165, entre Coronel Sapucaia e Paranhos, seguem com pavimentação, junto com drenagem, elevação da grama e todos os reparos necessários para tornar a rodovia em boas condições para o tráfego local e escoamento da produção.

O objetivo é realizar a interligação de toda região de fronteira, para encurtar os caminhos, reduzir o tempo de percurso e assim contribuir com a economia local, gerando empregos, renda e desenvolvimento para as cidades. O projeto vai qualificar a logística e a infraestrutura do Estado.

No final deste trecho, o Governo do Estado também está fazendo uma obra de controle e combate a erosão, que tem um investimento de R$ 11,3 milhões. Os trabalhos estão em andamento na fase inicial. A pista pavimentada (MS-165) vai passar por cima desta contenção (erosão).

Segundo a Agesul, no momento está se fazendo  a movimentação de terra e executando as paredes de gabião neste local. Este trabalho está sendo feito com recursos próprios do Estado, advindo do Fundersul (Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário de MS).

Outras frentes

Para implantar a Rodovia Sul-Fronteira, o Governo do Estado está trabalhando em várias frentes de trabalho na MS-165. Além do trecho de Coronel Sapucaia a Paranhos, ainda tem a pavimentação entre os distritos de Sanga Puitã (Ponta Porã) e Vila Marques (Aral Moreira) que está concluída.

O Governo do Estado também publicou, no final de novembro, o contrato para pavimentação de 31,822 km no trecho entre as cidades de Aral Moreira e Coronel Sapucaia. O investimento lá é de R$ 47,9 milhões. A obra irá da Vila Marques, no entroncamento com a MS-289, passando pelos dois municípios.

O restante da MS-165, em uma extensão de 55 km entre a Aldeia Sete Cerros e Paranhos já tem projeto contratado, assim como o trecho da MS-299, nos 62 quilômetros entre Paranhos e Sete Quedas. Na MS-299 entre Sete Quedas e Mundo Novo, passando por Japorã, os projetos ainda serão contratados.

“A implantação da rodovia Sul-Fronteira vai levar desenvolvimento a toda região, interligando as cidades. Tem várias frentes de trabalho em andamento. Esta faixa de fronteira vai chegar a Mundo Novo. Obra importante, de integração, que encurta caminho, melhora os acessos”, afirmou o governador Reinaldo Azambuja.

Leonardo Rocha, Subcom
Foto Capa: Agesul (Rodovia MS-165)

Publicado por: Joilson Francelino Santana

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.