Seinfra entrega obra de restauração da pista do aeroporto de Bonito

Categoria: Notícias | Publicado: quarta-feira, julho 3, 2019 as 16:58 | Voltar

Campo Grande (MS) – O Aeroporto Estadual de Bonito, principal destino de turismo de Mato Grosso do Sul, foi contemplado com mais uma importante obra de infraestrutura do Governo do Estado, que passou a administrar aquele aeródromo desde junho de 2017. Nesta quarta-feira (3/7), o governador Reinaldo Azambuja entregou o recapeamento da pista de pouso e decolagem e outros serviços executados com recursos próprios e do governo federal.

“Esse investimento é fundamental. Se não fosse a parceria da Secretaria de Aviação Civil, nós estaríamos praticamente com a interdição do aeroporto. Isso criaria um problema enorme no fluxo de turistas para a região. A parceria possibilitou a revitalização da pista, fazer a drenagem para a captação das águas e dar mais segurança, sinalização, e agora nós temos equipamento e o Corpo de Bombeiros que faz parte desse convênio com a SAC. É uma parceria extremamente exitosa, saudável. Turismo é emprego, movimentação econômica, geração de oportunidades”, afirmou o governador Reinaldo Azambuja.

A melhoria dos equipamentos do aeroporto visa garantir mais segurança aos passageiros e tripulantes além de atrair novos voos, cuja ação de fortalecimento e promoção do turismo foi recentemente ampliada com o decreto de redução da alíquota de ICMS do querosene assinada pelo governador por meio do "Programa Decola MS". A Fundação de Turismo de MS (Fundtur) já trabalha a promoção dos destinos turísticos com a perspectiva de um novo voo adicional da Gol. "Com o recapeamento, a pista de Bonito passa a ter capacidade de receber aeronaves de maior porte, fomentando o turismo da região. É  nosso governo investindo no melhor destino de ecoturismo do país", explica o vice-governador e secretário de Infraestrutura, Murilo Zauith.

“Os investimentos do governo em Bonito, em especial no aeroporto, têm sido fundamentais para atrair mais turistas ao nosso destino e impulsionar uma atividade que é a maior geradora de riquezas na região”, afirmou o empresário Guilherme Poli, do grupo Zagaia. “Com novos e regulares voos não temos mais dificuldades na entrega dos serviços aos clientes, por questão de logística, e agora o governador cria esse incentivo fiscal, que também favorece Bonito.”

Pista de pouso e decolagem recebeu restauração, sinalização e novo sistema de drenagem

Implantação do Papi

A reforma no aeroporto foi coordenada pela Seinfra (Secretaria Estadual de Infraestrutura), que é responsável pela administração, operacionalização e manutenção do aeródromo. A obra concluída consta de recapeamento e drenagem da pista de pouso e decolagem, que tem uma extensão de 2.000 metros, e das áreas de taxiamento e pátio das aeronaves. Também foram executados serviços de sinalização, enleivamento e recomposição ambiental.

Os investimentos somam R$ 4 milhões, sendo R$ 2,8 milhões liberados pela Secretaria Nacional de Aviação Civil (SAC) e R$ 1,2 milhão de contrapartida do Governo de Mato Grosso do Sul. O superintendente viário da Seinfra, Leonardo Dias Marcelo, informou que a próxima etapa de investimento no aeroporto incluiu a aquisição e implantação do Papi (Indicador de Percurso de Aproximação de Precisão), no valor de R$ 1 milhão – recursos da SAC e do Estado.

Combate a incêndios

O Papi é um sistema de auxílio visual à navegação aérea, que tem por objetivo informar os pilotos sobre a altitude ideal da aeronave na fase de aproximação para pouso. O equipamento é constituído por quatro aparelhos de iluminação, que são instalados na cabeceira da pista de pouso e decolagem. O equipamento é o primeiro passo para homologar voos por instrumento no aeródromo da cidade turística, melhorando a logística de transporte com segurança.

Melhorias nas instalações e em logística vão impulsionar o turismo, atraindo mais passageiros ao destino.

O superintendente aviário adiantou que o processo licitatório para compra do Papi deverá ser concluído em 30 dias. “Esse pacote de obras e adequações para o aeroporto de Bonito faz parte de um convênio com a SAC, no valor de R$ 5,54 milhões, onde o Governo do Estado participa com 30% dos recursos”, disse Leonardo. Parte do dinheiro será aplicada na ampliação da seção de contraincêndio do terminal, cuja obra depende de autorização da SAC.

Investe Turismo

Ainda em Bonito, o governador Reinaldo Azambuja participou ao lado do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, da abertura do Seminário Investe Turismo, programa do Ministério do Turismo que prevê investimentos de R$ 200 milhões em 30 rotas turísticas do país, três de incluindo Mato Grosso do Sul. Bonito sediará a quinta edição do seminário itinerante, a ser realizado durante toda esta quarta-feira na sede do Sebrae.

Texto: Sílvio de Andrade – Subsecretaria de Comunicação (Subcom).

Fotos: Edemir Rodrigues.

Publicado por: Jessika Machado

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.